sexta-feira, 26 de julho de 2013

Secretário defende criação de fundo indenizatório para abate por tuberculose



O Prefeito municipal Antonio Marcos Seguro e o secretário municipal de Agricultura e Meio Ambiente de Turvo, Jeronimo Gadens do Rosário, participaram de um encontro entre representantes dos Conselhos Municipais de Sanidade Agropecuária (CSAs) da região de Guarapuava com o secretário de Agricultura e Abastecimento (Seab), Norberto Ortigara, nessa quarta-feira (17). Durante o encontro foi apresentada a proposta de criação de um fundo indenizatório para o abate de animais com tuberculose. Os produtores manifestaram a preocupação com a disseminação da tuberculose bovina, cuja incidência é considerada alta na região.

De acordo com Jeronimo Gadens do Rosário, tem produtor em Turvo que teve que sacrificar 40% do rebanho por causa da tuberculose. E outros que saíram da atividade leiteira porque tiveram que sacrificar até 100% de seus animais. “O agravante é que muitos produtores ainda pagam financiamento na compra dos animais e estão arcando com prejuízos”.

O secretário Noberto Ortigara pediu a contribuição das lideranças para encaminhar uma mensagem de lei à Assembleia Legislativa constituindo o fundo para indenizar os produtores.

Outra medida tomada pelo Governo do Paraná é que a Adapar (Associação para o Desenvolvimento Agropecuário do Paraná) abriu, desde ontem, quarta-feira, uma consulta pública sobre a adoção de medidas mais rígidas para melhorar a qualidade do leite no Paraná, através do site www.adapar.pr.gov.br. E essas medidas envolvem o controle de enfermidades como brucelose tuberculose

Com informações da assessoria da Seab

Fonte: Prefeitura de Turvo


Nenhum comentário:

Postar um comentário